Vazio Branco

Estou tão orgulhoso com a versão têxtil bracarense da noite branca (ou será cor-de-rosa?), limpa de museus e de galerias abertos noite dentro como fizeram aqueles chatos de Paris que a inventaram, que só me apetece dizer aos algarvios: ponham-se finos, pá – a nossa há-de ser bem mais marcante que a Noite Branca de Loulé em 2008!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s