MITOS DO S. GERALDO – Nº 7 – ah e tal, diz que é um mercado urbano

mito7

Não sei ao certo o que é um mercado urbano mas sei o que é um mercado. E, quer o mercado da Ribeira, em Lisboa, quer o Bom Sucesso, no Porto, são mercados. E já o eram antes da remodelação. Têm – e sempre tiveram – todas as caraterísticas que associamos aos mercados: estão no centro de praças, têm várias frentes de rua, têm várias entradas, são locais de passagem e atravessamento, têm muita luz e imensa ventilação. Como, aliás, o nosso mercado municipal. E têm todos uma área de implantação superior a 7000 m2.

Ora, mesmo que seja totalmente demolido, o S. Geraldo nunca vai ser um Bom Sucesso ou um Mercado da Ribeira. É uma manobra publicitária como tantas que já vimos em Braga. Quem não se lembra do conceito inovador de shopping de rua do Liberdade Street Fashion? Inaugurado há menos de 5 anos, tem, infelizmente, cada vez mais lojas fechadas (algumas nunca abriram). Perdemos o Palácio dos Correios, vários edifícios, o início da via romana XVII no enfiamento do “decumanus maximus” e não ganhamos muito do que se prometeu, a começar pela musealização in loco dos vestígios de Bracara Augusta e acabar na revolução do comércio do centro. E o “Palácio da Senhora-a-Branca” que tem uma galeria comercial inteira fechada? Ou o empreendimento de Guadalupe quase todo por ocupar? Valeu a pena destruir o Palacete Matos Graça e a Casa dos Castelos?

Observando as diferenças de áreas de implantação (5 vezes menor*), de comprimento das frentes de rua (10 vezes menor*), de localização, de configuração, de exposição solar, de estacionamento, não adianta sonhar com os mercados do Bom Sucesso ou da Ribeira no Largo Carlos Amarante. O S. Geraldo é um lote comprido que se estende pelo miolo de um quarteirão denso, ótimo para a escuridão de um teatro mas péssimo para um mercado de rua ou para um hotel (que terá necessariamente muitos quartos interiores).

O programa para o S. Geraldo parece ter todos os ingredientes para correr mal em pouco tempo. A ver pelo histórico dos investimentos “inovadores” e a manter-se esta ilusão, perdemos o S. Geraldo e ganhamos mais um problema de ordenamento do território. Por que razão não enquadrar este investimento na reabilitação parcial do nosso mercado municipal?

Divulga e assina a petição em http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=sgeraldocultural

*na imagem, a comparação entre o S. Geraldo/Pé Alado e o Mercado Municipal de Braga

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s